Vale do Loire

Muscadet Sèvre-et-Maine: a leveza e frescor do Loire

O que é e quais as características desse vinho?

A primeira coisa a se saber sobre a denominação de origem Muscadet Sèvre-et-Maine, é que ela não tem absolutamente nada em comum com a uva Muscat. A primeira é uma apelação francesa de vinhos brancos secos e com boa acidez. Já, a segunda, é uma uva branca bastante aromática, usada comumente na produção de vinhos mais doces.

O que esperar de um  Muscadet Sèvre-et-Maine?

Aspectos aromáticos

Aromas primários: lima, maçã-verde e pêssego frescos

Aromas do processo de fermentação: panificação

 

Estrutura

Acidez: médio a alto

Corpo:  baixo a médio

Qual a uva usada na produção de Muscadet Sèvre-et-Maine?

Pouco conhecida do grande público,

a uva usada na confecção dos vinhos em Muscadet Sèvre-et-Maine é a Melon de Bourgogne.

O nome Bourgogne não é à toa. Essa casta, de fato, tem origem na Borgonha. Ela foi trazida para Muscadet por conta da sua capacidade de sobrevivência em climas mais frios.

De maneira geral, a Melon não é uma uva muito aromática. Portanto, os cuidados no vinhedo são importantes, visto que, vinhas muito frondosas tendem a produzir uvas com baixa intensidade aromática e complexidade.

Não à toa, também, a técnica de estágio dos vinhos em borras é bastante utilizada em Muscadet. Ao final da fermentação as leveduras morrem, mas ainda continuam contribuindo com o vinho. As leveduras mortas, ou borras, aportam corpo e toques de panificação ao líquido. Por isso, se encontrar no rótulo de qualquer vinho as palavrinhas Sur Lie, quer dizer que o vinho estagiou em borras.

Onde Muscadet está localizada?

A sub-região de Muscadet Sèvre-et-Maine faz parte da vasta região do Vale do Loire. O Vale do Loire estende-se por cerca de 1.000km, desde o centro da França, onde nasce o Rio Loire, até o seu deságue a oeste na Costa Atlântica. 

É ali, próximo ao oceano, que encontramos a região de Muscadet. O clima no local é bastante chuvoso e úmido e com verões amenos. 

Vale do Loire
Vale do Loire, região onde está localizada a Denominação de Origem Muscadet Sèvre-et-Maine
As denominações de origem em Muscadet

Muscadet Sèvre-et-Maine é a denominação de origem mais famosa na região, mas por lá, também encontramos as denominações de Muscadet, Cotes de Grandlieu e Coteaux de la Loire. 

A primeira e a segunda produzem vinhos mais simples e semelhantes a Sèvre-et-Maine. Já Coteaux de la Loire, produz brancos de Melon de Bourgogne sob essa apelação, além de rosés e tintos, dentro da mesma localidade, mas com a denominação de origem Coteaux d´Ancenis.

O que harmonizar com um Muscadet Sèvre-et-Maine?

Como a região de Muscadet fica próxima ao mar, é bastante comum encontrarmos harmonizações com frutos do mar, como lulas e peixes em geral, assim como crustáceos como a ostra. 

Além disso, queijos de pasta mole como o brie, podem ser também uma boa opção. 

Queijo brie
Queijo Brie, sugestão de harmonização com Muscadet Sèvre Et-Maine

 

A Cellar tem opções incríveis para você que aprecia vinhos com o perfil de Muscadet Sèvre-et-Maine. Dê uma olhada agora mesmo no site ou App da Cellar para conferir os rótulos disponíveis. O link de acesso é esse.

Total
0
Shares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Prev
Aprenda mais sobre a uva Chardonnay
Uva Chardonnay

Aprenda mais sobre a uva Chardonnay

A uva branca que mais se adapta aos diferentes terroirs Já foi dito que a uva

Next
Conheça Peter Lauer, um dos maiores produtores da região de Mosel
Peter Lauer em seus vinhos no Mosel

Conheça Peter Lauer, um dos maiores produtores da região de Mosel

Vinhos produzidos com a uva Riesling que dão show de estilo Se você gosta de